Os erros mentais mais comuns antes de uma corrida de rua. E como é possível evitá-los


Os erros mentais mais comuns antes de uma corrida – Foto: Fernando Santos

BlogMessengerStarkEspacoEmBrancoSimples

Realizar técnicas de preparação mental antes de uma corrida é comum entre os corredores. Essas técnicas estão focadas na preparação, motivação e visualização da corrida. O atleta pode executar qualquer uma delas, mas existem erros mentais comuns numa corrida, que muitos cometem. Confira os três erros mais frequentes e o que é possível fazer para evitá-los.

Visualizando um único resultado
Muitos atletas comentem alguns erros mentais antes de uma corrida. Um deles, é o de visar apenas o resultado. Eles pensam em um cenário perfeito, ou seja, uma trajetória de sucesso e o resultado desejado. Embora seja necessário visualizar um resultado positivo, devemos considerar uma variedade de cenários. Se você está ciente de que algo pode dar errado, você se sente menos frustrado e pode resolver problemas com uma atitude mais positiva e criativa.

O medo de errar
Depois de sofrer uma lesão ou cometer um erro durante a competição, é normal que você fique com medo de machucar novamente ou de que algo dar errado. Nestes casos, é importante reconhecer o erro e visualizar-se fazendo a coisa certa. Se na sua trajetória anterior sofreu com dores musculares, se preocupe em se exercitar corretamente antes de treinar. Se o seu erro for associado à falta de alimentação, como café da manhã, é importante preencher, por exemplo, com géis e outros alimentos durante o treino.

Muito nervoso ou relaxado demais
O terceiro grande erro mental de muitos atletas no mundo da corrida, é que eles são muito animados ou muito desanimados. O excesso de energia ou nervosismo extremo pode causar ansiedade e interferir na concentração mental. Largar uma corrida de rua muito nervoso, pode comprometer sua respiração. Se isso acontecer, você precisa relaxar e respirar profundamente para regular sua frequência cardíaca.

Além disso, se antes de uma corrida você estiver desinteressado, o tiro pode sair pela culatra. Para conseguir um bom desempenho deve atingir o meio termo. Ou seja, até o ponto de ansiedade não prejudicar a sua respiração. O erro mental vem em duas formas: física (aquela sensação de borboletas no estômago, suadores, náuseas e vontade de ir ao banheiro) e as mentais (pensamentos negativos, confusão ou falta de concentração). O relaxamento é a técnica mais utilizada para reduzir esses tipos de ansiedade.

(Fonte: conteúdo publicado no  Atletas.info, site parceiro na Argentina)

BlogMessengerStarkEspacoEmBrancoSimples